Filho do 25 de Abril

A montanha pariu um rato - A coerência colocada à prova - A execução de Saddam Hussein - O Nosso Fado - "Dois perigos ameaçam incessantemente o mundo: a desordem e a ordem" Paul Valéry, "Quando eu nasci, as frases que hão-de salvar a humanidade já estavam todas escritas, só faltava uma coisa, salvar a humanidade", Almada Negreiros - "A mim já não me resta a menor esperança... tudo se move ao compasso do que encerra a pança...", Frida Kahlo

domingo, janeiro 22, 2006

739. Presidenciais 2006: Resultados Eleitorais (Actualizado)



Evolução com o voto com as maiores freguesias a serem apuradas:

Cavaco Silva (freguesias por apurar/percentagem):

952 - 53,10%
778 - 52,26%
606 - 51,56%
541 - 51,20%
487 - 51,20%
419 - 51,07%
353 - 50,99%
305 - 50,84%
294 - 50,85%
192 - 50,82%
123 - 50,84%
67 - 50,76%

Francisco Louçã defende-se da derrota presidencial com a divisão na esquerda! Sinceramente, não havia necessidade! Fala em ter-se permitido que a "direita" tivesse ganho! Se havia dúvidas sobre a natureza da sua candidatura estas acabaram neste momento. Sinceramente, Professor Louçã...

Technorati Tags: , ,

3 Comments:

  • At 9:52 da tarde, Blogger Pedro said…

    Discordo!

    Quantos mais candidatos tivesse a esquerda, mais dificil seria a vitória de Cavaco.

    Mas Cavaco ganhou e temos por isso mais um tecnocrata num alto cargo de poder. Aliás, no mais alto de todos.

     
  • At 10:09 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    Cavaco Presidente

     
  • At 12:21 da manhã, Blogger Ricardo said…

    "Quantos mais candidatos tivesse a esquerda, mais dificil seria a vitória de Cavaco."

    Aproveito esta frase para perguntar porque é que então Louçã foi candidato?

    Abraço e obrigado pela visita,

     

Enviar um comentário

<< Home