Filho do 25 de Abril

A montanha pariu um rato - A coerência colocada à prova - A execução de Saddam Hussein - O Nosso Fado - "Dois perigos ameaçam incessantemente o mundo: a desordem e a ordem" Paul Valéry, "Quando eu nasci, as frases que hão-de salvar a humanidade já estavam todas escritas, só faltava uma coisa, salvar a humanidade", Almada Negreiros - "A mim já não me resta a menor esperança... tudo se move ao compasso do que encerra a pança...", Frida Kahlo

segunda-feira, março 26, 2007

1057. É muito, muito claro...


"homenagear os funcionários executivos que criaram condições para uma boa adesão e o bom desempenho que se seguiu"

"Foi o critério escolhido e acho que é muito, muito claro"

Cavaco Silva a explicar, indirectamente, porque Mário Soares não foi convidado para as celebrações dos 50 anos do Tratado de Roma, no Palácio de Belém


Caro Presidente da República,

Concordo com sua excelência. É muito, muito claro.

Etiquetas: ,

3 Comments:

  • At 11:48 da tarde, Blogger Quintanilha said…

    Cavaco Silva poderá fazer tudo, mas uma coisa não conseguirá fazer: - Apagar a história!
    Mário Soares, o pai da democracia portuguesa e o homem que assinou com o seu punho a adesão de Portugal à então CEE, não estará presente! Segundo Aníbal Cavaco Silva, não se enquadra nos critérios definidos para os convites, pelo que, obviamente não foi convidado!
    Cavaco Silva começa a mostrar a sua faceta, pois na minha modesta opinião tem andado numa do "politicamente correcto" e lá no íntimo é um ser muito, muito diferente do que realmente aparenta. Poderá enganar muita gente, mas a mim, não! Esperem para ver!

     
  • At 2:45 da manhã, Blogger O Raio said…

    Com esta atitude Cavaco Silva mostra a sua verdadeira face, a de um insecto desprezível...

     
  • At 9:24 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    Cavaco Silva começa a mostrar a sua faceta ... já era tempo!

     

Enviar um comentário

<< Home