Filho do 25 de Abril

A montanha pariu um rato - A coerência colocada à prova - A execução de Saddam Hussein - O Nosso Fado - "Dois perigos ameaçam incessantemente o mundo: a desordem e a ordem" Paul Valéry, "Quando eu nasci, as frases que hão-de salvar a humanidade já estavam todas escritas, só faltava uma coisa, salvar a humanidade", Almada Negreiros - "A mim já não me resta a menor esperança... tudo se move ao compasso do que encerra a pança...", Frida Kahlo

quarta-feira, novembro 16, 2005

623. "Não sou político, sou um académico..."




"Não sou político, sou um académico..."

* Post literalmente roubado à Dinah, do blogue "Ódiozinhos de estimação e amores de perdição"

1 Comments:

  • At 12:07 da tarde, Blogger O Raio said…

    E como académico é uma miséria.
    Um académico publica obras científicas. Quais é que o Cavaco publicou? Poucas ou nenhumas... escrevia era artigos políticos para os jornais...
    Em resumo, o meu problema é saber em que é que o Cavaco foi pior, se na política se na vida académica...
    No fim deve mas é ser um problema de dupla personalidade...

     

Enviar um comentário

<< Home