Filho do 25 de Abril

A montanha pariu um rato - A coerência colocada à prova - A execução de Saddam Hussein - O Nosso Fado - "Dois perigos ameaçam incessantemente o mundo: a desordem e a ordem" Paul Valéry, "Quando eu nasci, as frases que hão-de salvar a humanidade já estavam todas escritas, só faltava uma coisa, salvar a humanidade", Almada Negreiros - "A mim já não me resta a menor esperança... tudo se move ao compasso do que encerra a pança...", Frida Kahlo

quarta-feira, março 07, 2007

1035. O Inominável

E aí está - na rede mundial - O Inominável que marca o regresso do Bruno Gonçalves à esfera dos blogues individuais. O Bruno, convém referir, e isto é um facto, foi alvo de uma lavagem cerebral em algum momento da sua vida e está convertido ao liberalismo mas, mesmo assim, é preciso respeitar as opiniões daqueles que foram vítimas de um culto maléfico. Este liberal e católico é também, provavelmente mais pela segunda razão do que pela primeira, um admirador de Alberto João Jardim o que mostra bem o estado de degradação a que chegou a sua capacidade de raciocínio. E, no fundo, também sei que já não tem coração, às vezes não sei se continua a ser humano. Mas é convicto e, apesar de haver quem afirme que essa característica é comum entre os loucos, eu sei que é capaz, com simpatia e coerência, de fazer a diferença no às vezes pobre panorama da discussão ideológica e política. Um dia, quem sabe, vai atingir a cura, apesar de não acreditar nisso, mas, mesmo que não a consiga alcançar, vou estar a acompanhar o seu pensamento porque a sua escrita, apesar de escorregadia em alguns temas, é pertinente e, repito, faz toda a diferença.

O Bruno, ex-Bodegas, ex-colaborador da Dia D, colaborador da Revista Atlântico propõe-nos um novo blogue, com aparência elegante e minimalista, onde concerteza vai continuar a defender os seus princípios - enfim... - de forma certeira - do ponto de vista do tal culto maléfico - e com a capacidade de síntese que possui. Boa viagem...

Etiquetas:

2 Comments:

  • At 6:08 da tarde, Blogger Bruno Gonçalves said…

    Ricardo,

    Eu ainda não desisti de te extender os meus tentáculos liberais! A ver vamos, se não és convertido!

    Obrigado pelo destaque, embora um pouco pérfido da minha pessoa, mas um liberal é sempre um mártir.... ;) hehe

    Grande abraço

     
  • At 8:38 da tarde, Blogger Shinobi said…

    Só pela descrição do blogue, e como tenho essa doença que se resume a ser um "liberal e um católico", tinha que lá dar um salto. Gostei bastante, e apesar de não conhecer pessoalmente o Bruno Gonçalves, dou-lhe os meus sinceros parabéns, pois o espaço é bastante interessante. Fiz questão desde já em por um link no meu humilde espaçozeco cinéfilo.
    Um dia destes Ricardo vou aceitar o teu desafio no envio de cenas cinematográficas, só ainda não decidi qual. Uma certeza fica. Vai ser de um filme asiático!

    Um grande abraço aos dois!

     

Enviar um comentário

<< Home