Filho do 25 de Abril

A montanha pariu um rato - A coerência colocada à prova - A execução de Saddam Hussein - O Nosso Fado - "Dois perigos ameaçam incessantemente o mundo: a desordem e a ordem" Paul Valéry, "Quando eu nasci, as frases que hão-de salvar a humanidade já estavam todas escritas, só faltava uma coisa, salvar a humanidade", Almada Negreiros - "A mim já não me resta a menor esperança... tudo se move ao compasso do que encerra a pança...", Frida Kahlo

quinta-feira, outubro 14, 2004

(201) Desafio

Quero lançar um desafio aos (poucos) leitores deste infâme blog. O mundo dos blogs em Portugal parece-me pouco interactivo tanto no desenvolvimento dos temas como dos comentários. Para combater isso vou lançar um desafio arriscado porque pode não ter adesão. Queria pedir a colaboração dos donos doutros blogs e outros leitores para escreverem um post com um tema "quase" livre. O tema proposto é simplesmente "Portugal". Os interessados podem deixar o texto aqui: ricvares@tvtel.pt.

As diferenças de estilo são bem vindas. Os textos, se houverem, serão publicados na próxima semana num formato que vai adaptar-se aos textos. Colaborem...

P.S. Podem deixar outras sugestões de interactividade no mesmo mail. Vamos tornar o fenómeno dos blogs em Portugal mais coordenados.

6 Comments:

  • At 12:04 da tarde, Blogger polittikus said…

    Prepara-te que logo há noite, já te mando um texto... hehehehe

     
  • At 12:13 da tarde, Blogger marvin said…

    Estou de férias, mas vou tentar.
    Um abraço.

     
  • At 1:35 da tarde, Blogger Didas said…

    Portugal?! Ah já percebi! Queres comédia!
    :-)

     
  • At 6:28 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    SOBRE PORTUGAL?!!
    QUE HORROR, PORQUE NÃO SOBRE AS ILHAS FIFI. É DEVERAS MUITO MAIS INTERESSANTE. ATÉ É O NOME DO MEU PELUDINHO DE QUATRO PATINHAS.

    ATENCIOSAMENTE PICADELIO

     
  • At 12:15 da manhã, Blogger BlueShell said…

    Pronto...já terminei...até estou cansada, canecos...

     
  • At 8:38 da manhã, Blogger Japinho said…

    Cordenação? Não, tu desculpa mas não vou nessa.

     

Enviar um comentário

<< Home