Filho do 25 de Abril

A montanha pariu um rato - A coerência colocada à prova - A execução de Saddam Hussein - O Nosso Fado - "Dois perigos ameaçam incessantemente o mundo: a desordem e a ordem" Paul Valéry, "Quando eu nasci, as frases que hão-de salvar a humanidade já estavam todas escritas, só faltava uma coisa, salvar a humanidade", Almada Negreiros - "A mim já não me resta a menor esperança... tudo se move ao compasso do que encerra a pança...", Frida Kahlo

domingo, outubro 31, 2004

(218) Simplesmente... Um Passeio no Domingo

Ao Domingo nada acontece. E quando acontece geralmente são más notícias. Neste Domingo nada aconteceu!


Serralves Posted by Hello


Serralves Posted by Hello

De manhã mais uma visita a Serralves. Tinha de rever os quadros de Paula Rego e aproveitei para visitar a nova exposição, a de Susan Hiller. A quantidade de pessoas era inacreditável o que é um sinal da vitalidade do museu mas tornava a visita pouco agradável.


Grijó Outlet Posted by Hello

A tarde foi bem diferente, bem menos cultural! A sugestão de visitar o Outlet de Grijó levantou-me uma dúvida existencial: o que é um Outlet? A resposta foi curiosa, "é um conjunto de lojas com roupa de marca a bons preços". Após a visita vou dar a minha definição de outlet, "é um armazém gigantesco de várias lojas com várias marcas por loja que vende roupa fora de época ou de colecção a preços mais baixos". Mas a questão dos preços é polémica! Há de facto algumas oportunidades de consumo mas nem todos os produtos têm uma boa qualidade/ preço! Até porque este complexo comercial não tem o exclusivo nacional dos descontos e nem sempre convém andar com roupas que os nossos amigos usaram há vários anos atrás. Agora que já voltei a encher chouriços retorno ao conforto do meu sofá, neste Domingo igual a tantos outros...

4 Comments:

  • At 12:17 da tarde, Blogger polittikus said…

    O Domingo é uma verdadeira seca... até os mais de 50 canais da TV cabo, não dão nada de jeito... xiça.

     
  • At 8:12 da tarde, Blogger whiteball said…

    Bom, se nada aconteceu...já é bom. E aproveitaste para passear e relaxar. Agora Goza o sofá! Abraço, WB

     
  • At 8:14 da tarde, Blogger BlueShell said…

    Definitivamente...este rapaz...abandonou-me!Bjs

     
  • At 9:34 da tarde, Anonymous Anónimo said…

    É. Respira-se cultura no Porto. As pessoas gostam da cultura, de estar sempre a par das novidades culturais. É uma tradição PORTUENSE, muito diferente da do resto do país, que não liga a mínima à cultura.
    Exposições?! Só se for de gajas nuas a se esfregarem num varão, dirão os mouros, quando lhe falam de exposições.
    Além do mais, que oferta cultural tem Lisboa e arredores?
    Nenhuma,isto é,não tem bichas de MOUROS às portas dos museus, porque eles são PAGOS E NÃO DE BORLA,como a famosa FUNDAÇÃO DE SERRALVES,aos Domingos de manhã.

    Que cultura ESTA!!! De BORLA, vale o esforço de fazerem peregrinações a Serralves e com alguma sorte ainda trazem um brinde ( talvez um chouriço de Grijó ).
    ADORO ESTA FORMA CULTURAL, DO POVO TRABALHADOR DA MUI NOBRE E INVICTA CIDADE DO PORTO, QUE SÓ TEM TEMPO E NÃO O DESPERDIÇA, DE IR AO(S) MUSEU(S)AO DOMINGO DE MANHÃ.
    Realmente é inacreditável e pouco agradável esta forma de vitalidade do(S)Museu(S).

     

Enviar um comentário

<< Home