Filho do 25 de Abril

A montanha pariu um rato - A coerência colocada à prova - A execução de Saddam Hussein - O Nosso Fado - "Dois perigos ameaçam incessantemente o mundo: a desordem e a ordem" Paul Valéry, "Quando eu nasci, as frases que hão-de salvar a humanidade já estavam todas escritas, só faltava uma coisa, salvar a humanidade", Almada Negreiros - "A mim já não me resta a menor esperança... tudo se move ao compasso do que encerra a pança...", Frida Kahlo

sábado, outubro 14, 2006

919. Alberto João Jardim, a vítima

Há três meses Alberto João Jardim admitiu que a Madeira tinha uma situação financeira grave (que surpresa!!!). A culpa era da União Europeia. Escreveu uma carta ao Governo da República para que este fosse solidário. Três meses depois, afinal, e só porque do "céu" não chegou outro "perdão" milagroso, a culpa da grave situação financeira que, reparem, chegará no futuro, é, era e sempre foi do Governo da República.

1 Comments:

  • At 3:21 da tarde, Blogger Frederico said…

    Desejo sinceramente que o Governo da República não ceda a mais esta pressão deste ditadorzeco da pequena politica portuguesa.

     

Enviar um comentário

<< Home